Enquete


Voce concorda com eleições gerais, em todos os níveis, para superar a crise brasileira?

Sim

Não

Indiferente

O Instituto


CNPJ: 58.631.607/0001-50
OSCIP: 08026.000856/2003-50
Fundado 21 de Novembro de 1989

CHOOSE YOUR LANGUAGE Portuguese English

Maçonaria: Tráfico de Escravos e o Banco do Brasil

William Almeida de Carvalho

O texto que discorre sobre as Lojas Lautarinas derruba o mito de que teria havido uma Grande Loja em Londres liderada por Francisco Miranda, que teria iniciado homens famosos, como Simón Bolívar, Bernardo O’Higgins, San Martín e outros.

O historiador William Almeida de Carvalho explica que os maiores historiadores maçônicos e profanos, como Américo Carnicelli, Jaime Eyzaguirre, José Castellani e Américo Jacobina Lacombe, sempre acreditaram nisso. Portanto, o que é apresentado aqui será um marco em termos de avanço historiográfico.

Outro tema instigante abrange o tráfico de escravos como grupo estratégico de empresários e banqueiros na história do Brasil, que financiaram a independência do país. A obra ainda contém a biografia de nomes importantes no cenário mundial, como Conan Doyle, René Guénon e Oscar Wilde, além de uma homenagem ao escritor e historiador maçônico Kurt Prober.

Trazendo à tona assuntos como: Teologia Maçônica, Banco do Brasil, Maçonaria na Espanha e muito mais, este livro expõe uma bela novidade na nossa historiografia.

William Almeida de Carvalho – Obreiro da Loja Equidade & Justiça nº 2336, Grau 33, MPS, QCCC, ex-Diretor da Biblioteca do GOB, ex-Secretário de Educação e Cultura do GODF – GOB; autor de diversos livros e artigos sobre Maçonaria ,sócio fundador da Loja de Pesquisa do GOB; membro da Scottish Rite Research Society, da Academia Maçônica de Letras do DF, do Brasil e da Paraíba correspondente, da Southern California Research Lodge, da Philalethes Society e da Masonic Library and Museum Association; representante do GOB em Congressos Maçônicos Internacionais em Santiago do Chile e em Edimburgo, na Escócia; membro do Instituto Histórico e Geográfico do DF e da Academia de Letras de Brasília; ex-Secretário de Estado do Distrito Federal; ex-subchefe do Gabinete Civil da Presidência da República; sociólogo e pós-graduado em Administração Pública e doutor em Ciência Política pela Panthéon-Sorbonne; professor da Associação Brasileira de Orçamento Público (ABOP) e conferencista oficial da Asociación Internacional de Presupuesto Público (ASIP).

Pela Madras Editora, William Almeida de Carvalho publicou a obra História do Grande Oriente do Brasil, que traz na primeira parte o texto de um dos mais respeitados historiadores maçônicos do Brasil, José Castellani.